USA

Operação Gotham Shield: Governo dos EUA vai “Simular Explosão de Armas Nucleares sobre Manhattan”

Postado em Atualizado em

O sinalizador de False Flag está ativado!

O alerta geral é para algo importante no futuro próximo ou imediato. Felizmente, é apenas mais um falso alarme, em vez de outro False Flag. De qualquer maneira, e o perigo está próximo.

Operation Gotham Shield 2017
Dado tudo o que está acontecendo no mundo, é francamente delirante descobrir que o governo federal dos EUA está mais uma vez encenando desastres simulados que atraem paralelos perturbadores com os eventos mundiais atuais.

Em apenas alguns dias, durante 24-26 de abril, a Operação Gotham Shield irá iniciar.

Trata-se de um exercício de agências em conjunto, envolvendo a FEMA, Homeland Security e uma infinidade de agências policiais e militares. WMD (Weapons of Mass Destruction, em português -Armas de Destruição em Massa), as unidades de armas químicas e biológicas estarão todas à disposição, enquanto uma resposta é testada para uma detonação nuclear “simulada” sobre o principal centro urbano dos Estados Unidos, na ilha icônica e densamente povoada de Manhattan e nas margens próximas de Nova Jersey.
Leia o resto deste post »

EUA Buscam Criar na América Latina Situação Militar Igual à do Oriente Médio

Postado em

Estados Unidos e seus aliados estão preparando o terreno na América Latina pra uma intervenção a longo prazo, disse o especialista em relações internacionais, Ghazi Nassendini, presidente do Centro de Análise e Estudos Global AZ.

usa latin america daesh
“Os Estados Unidos estão preparando condições para os próximos anos, para criar uma situação muito semelhante à do Oriente Médio na América Latina que justifique sua intervenção direta nos assuntos de outros países”, explicou o especialista.

Os EUA podem defender de forma mais “simples” sua intervenção militar e política, assim como “estabelecer regimes neocoloniais obedientes às políticas norte-americanas”, caso declarem a existência de ameaça à sua segurança, indicou Nassendini.

Antes de avaliar se a América Latina poderia ser uma zona de trânsito para grupos terroristas como o Daesh — proibido na Rússia, o analista acredita ser preciso observar a proliferação da doutrina e da formação destes grupos.

“Agora nós temos que fixar e advertir a nível mundial de onde chega o pensamento salafista-wahhabita, porque é dali que vão surgindo estes grupos terroristas que se preparam para algo no futuro”, explicou.
Leia o resto deste post »

Rússia e a Chantagem Sexual

Postado em Atualizado em

Quando a União Soviética criou a Intourist, sua companhia de hotéis e viagens, na era de Stálin, os mensageiros, motoristas, cozinheiros e camareiros eram todos funcionários da NKVD, a agência de polícia secreta do Estado que mais tarde se tornaria conhecida como KGB.

russian-kgb-sexual-scandal-trump
A folha de pagamento da organização também incluía prostitutas, usadas para apanhar políticos e empresários estrangeiros em situações comprometedoras e submetê-los a chantagem.

Os hotéis da Intourist na Rússia foram vendidos, o que inclui seu carro chefe, um hotel decadente que ficava na mesma rua do Kremlin.

Reformado suntuosamente e dotado de um spa que conta com medidas especiais de segurança, o hotel agora se chama Ritz-Carlton, um luxuoso tempo cinco estrelas que se promove como “um retiro inesquecível no coração da cidade”.

Mas de acordo com memorando não corroborado e altamente difamatório preparado por um antigo agente do serviço de inteligência britânico para uma empresa de pesquisas empresariais e políticas sigilosas em Washington, o Ritz continua a ser um lugar no qual hóspedes estrangeiros, entre os quais Donald Trump, podem cair vítimas da arte russa do “kompromat” a coleta de material comprometedor, a ser usado para obter vantagens.
Leia o resto deste post »

Entrevista com Julian Assange, o Hacker Que Tirou o Sono do Governo Americano

Vídeo Postado em Atualizado em

Há dez anos nascia o WikiLeaks, a mais poderosa e inexpugnável máquina de divulgação de segredos de estado de que se tem notícias em todos os tempos. Há quatro anos está aqui nesse pequeno prédio no centro de Londres onde funciona a embaixada do Equador, o criador dessa máquina, o australiano Julian Assange. Assange está exilado na embaixada do Equador, a poucos metros da Harrods, paraíso mundial para os turistas que vêm aqui para fazer compras. Vamos entrar aqui na embaixada para fazer uma entrevista exclusiva com Julian Assange para o Nocaute. Venha conosco!

julian-asaange-wikileaks-entrevista Leia o resto deste post »

Animação: A Revolução dos Bichos, de George Orwell (1954)

Postado em Atualizado em

Desenho animado baseado no livro “A Revolução dos Bichos” de George Orwell. A ficção nos fala sobre o poder e de como grupos antagônicos lutam por ele e de como o povo é quem sempre sofre com tudo isso. Toda revolução pode degenerar numa tirania ainda mais opressiva do que a ordem estabelecida que propôs a derrubar. Todos nós deveríamos refletir se são ou não conduzidos por algum Napoleão em sua vida.

animal-farm-george-orwell

Leia o resto deste post »

WikiLeaks – Novo e-mail do discute sobre OVNIs / UFOs do tipo ‘Fastwalker’

Postado em

Nas mais recentes notícias OVNI liberadas pelo WikiLeaks, um e-mail insinua sobre o conhecimento do governo dos EUA a respeito dos assim chamados OVNIs “Fastwalkers“, um termo usado pela NORAD e segmentos das forças armadas dos EUA para descreverem sobre o fenômeno aéreo não identificado se deslocando e/ou mudando de direção em alta velocidade, muito além do que a tecnologia aeroespacial é capaz de fazer.

fastwalker3
O e-mail de 06 março de 2015 a respeito dos Fastwalkers foi escrito por Bob Fish, um historiador e Curador do Projeto Apolo da NASA para o Museu USS Hornet, e enviado a John Podesta, Diretor da campanha presidencial de Hillary Clinton 2016, e ex-conselheiro de Bill Clinton e Barack Obama.

No e-mail , Fish descreve ter escutado membros do Programa de Satélites de Defesa do governo dos EUA (sigla DSP, em inglês) discutindo sobre recentes avistamentos de OVNIs Fastwalkers.  De acordo com o e-mail de Fish, estes Fastwalkers vieram de locais desconhecidas no espaço distante:
Leia o resto deste post »

EFF: Jogos de Palavras

Postado em Atualizado em

O governo dos Estados Unidos, com o apoio de grandes operadoras de telecomunicações, incluindo a AT&T, se envolveu numa gigantesca vigilância ilegal nas comunicações internas e registros de comunicações de milhões de americanos comuns desde pelo menos 2001. Uma vez que esta foi relatada pela primeira vez pela imprensa e descoberta pelo o público no final de 2005, a EFF tem estado na vanguarda e se esforçando para se preparar e trazer programas contra a vigilância do governo de dentro da lei, e dentro da Constituição.

nsa-header-2012-b

História da NSA espionando a informação desde 2005 (ver cronograma completo dos eventos do EFF aqui)

As notícias de dezembro de 2005 revelaram pela primeira vez que a Agência de Segurança Nacional (NSA) interceptou telefonemas dos americanos e também as comunicações via Internet. Esses relatórios de notícias, combinados com uma matéria do USA Today, em Maio de 2006 e as declarações de vários membros do Congresso, revelaram que a NSA também está recebendo cópias ‘em atacado’ de registros telefônicos e outras
comunicações de americanos. Todas estas atividades de vigilância estão em violação das Garantias de Privacidade estabelecidos pelo Congresso e da Constituição dos EUA.

No início de 2006, EFF recebeu as evidências de um denunciante (.pdf) ,ex-técnico de AT&T Mark Klein, apresentando que a AT&T está cooperando com a vigilância ilegal. Os documentos são incontestáveis e mostram que a AT&T tem instalado um divisor de fibra ópticas em suas instalações, na rua Folsom 611 – San Francisco/CA, que faz cópias de todos os e-mails de navegação na web e outros tráfegos de Internet para clientes da AT&T e fornecem essas cópias para a NSA. Estas cópias incluem as atividades de Internet nacionais e internacionais de clientes da AT&T.
Leia o resto deste post »