Liberdade

Vigilância Total: Sinais de Wi-Fi Podem ser Usados para ver Através das Paredes de sua Casa e Invadir sua Privacidade

Postado em Atualizado em

Se você tem um roteador Wi-Fi em sua casa, você provavelmente está bastante familiarizado com a capacidade dele atravessar as paredes. Pode haver alguns cantos distantes de sua casa onde ele não pode alcançar, frustrando-o sem fim, mas seu poder para mantê-lo conectado enquanto você se move de sala em sala é nada menos do que impressionante.

Cell-Phone-Towers-EMF-Danger
No entanto, as mesmas ondas eletromagnéticas que permitem que você leia a notícia em seu banheiro, também podem ajudar alguém fora de sua casa criar uma imagem holográfica em 3D sua, enquanto você está lá tratando dos seus assuntos pessoais.

Esta holografia Wi-Fi foi criada pelo estudante de física Philipp Holl, da Technical University de Munique, em conjunto com seu conselheiro acadêmico para tese de graduação, e foi recentemente publicada na Physical Review Letters.

Embora os sinais Wi-Fi perdidos já foram usados ​​para ver através das paredes há algum tempo, o método de Holl é inovador porque é o primeiro a usar esses sinais para construir hologramas 3D de um espaço. Nem todos os sinais do seu roteador chegam ao seu dispositivo; em vez disso, os roteadores soltam e espalham sinais fora dos objetos.
Leia o resto deste post »

Instituto Tavistock de Relações Humanas: Controle Mental

Postado em Atualizado em

Dos tempos imemoriais do antigo Egito (cujas técnicas de tortura, administração de drogas, a prática do hipnotismo documentadas no Livro dos Mortos nada mais eram que a tentativa de escravização mental dos presumidos iniciados.
Pode afirmar-se, com alguma certeza, que as “raízes” da espionagem moderna no Ocidente, estão nos reinos da Península Ibérica, cujos métodos foram aperfeiçoados, séculos mais tarde, pela Inquisição.

Tavistock
No final do século XIX um “grupo de pessoas” reconheceu que a Grã Bretanha e a Alemanha eram as regiões ideais para iniciar o estudo do comportamento humano. Assim, em 1882 surge em Inglaterra o primeiro centro de pesquisas das “Ciências do comportamento” baseadas em pesquisas que envolviam técnicas de controle mental anteriormente estudados na Alemanha pelo Instituto Kaiser Wilhelm.

É nestas circunstâncias que surge em Londres, em 1921, num edifício cedido pelo 11º Duque de Bedford, o Instituto para as Relações Humanas Tavistock, destinado a investigar as rupturas psicológicas dos militares submetidos ao estresse da I Guerra Mundial, bem como determinar a forma de controlá-los mentalmente em zonas de combate. Numa primeira fase da investigação os trabalhos foram coordenados por Sir John Rawlings Reese, que chefiava um departamento designado British Army Psychological Warfare Bureau.
Leia o resto deste post »

Google castigará páginas de anticiência e teorias conspiratórias com novo algoritmo em andamento

Postado em

Realmente lendo este artigo começamos a pensar sobre nossa liberdade que há muitos séculos não existe e apenas é criada como uma história antes de dormirmos. Ansiamos por ela, acreditamos nela, eles nos alimentam com ela, porém nos distanciam dela o quanto podem. Aqui temos mais um caso e este inclui o “grande irmão” Google:

big brother Google
Atualmente, o buscador do Google classifica os websites de acordo com a sua popularidade, nos quais se encontraram, principalmente, sites de fofocas sobre famosos e teorias conspiratórias. No entanto, isso está prestes a mudar à medida que a empresa está desenvolvendo um programa para que os sites sejam encontrados segundo a sua veracidade e serão ordenados de acordo com o ranking.

O cientista Hal Hodson, da NewScientist, explica que o software funciona acessando o banco de dados dos websites, o que, por acordo unânime, sejam considerados razoáveis e, portanto, estejam localizados no topo dos resultados, enquanto que as páginas que contêm informações contraditórias serão posicionadas no fim.
Leia o resto deste post »