Descoberta: Cientistas Encontram Antigo Continente Submerso Sob Oceano

Postado em

Cientistas descobriram um antigo continente perdido há muito tempo sob o Oceano Índico. Segundo afirmam: “Só agora que iremos explorar mais das profundezas dos oceanos, estamos descobrindo em diversos lugares partes de antigos continentes.”

continente-desconhecido
Um antigo continente, que já foi localizado entre a Índia e Madagascar, foi recentemente encontrado em partes no fundo do Oceano Índico.

De acordo com especialistas, há três bilhões de anos atrás um continente cobria o oceano onde ficam as Ilha Maurício, na África Oriental, de acordo com um novo estudo.

Em algumas das rochas das Ilhas Maurício (ou apenas Maurício), que abriga a república com o mesmo nome, pode-se encontrar pequenos fragmentos de minerais que têm cerca de 3.000 milhões de anos. Isso não deve ser importante, não pela a jovem ilha ter origem vulcânica, mas por  ter apenas sete a dez milhões de anos de idade. Então, de onde vêm esses pedaços de rocha e como eles podem ser tão antigos?

A resposta é simples. Sua origem se encontra no “continente perdido” que está situado abaixo da ilha, como afirmam pesquisadores da Universidade de Witwatersrand (África do Sul) em comunicado.

Segundo os cientistas, os cristais foram “transportados” para a superfície pela atividade vulcânica, levadas pela lava. A fim de obter a idade dos cristais, os cientistas utilizaram uma técnica de imagem chamada “Espectrometria de Massa”.

Os resultados mostraram que há uma crosta continental sob Maurício, que teria sido parte do continente chamado “Mauritia”, que fazia parte do antigo centro de Madagascar e Índia.

lost-continent
“Nossos resultados demonstram a existência de uma crosta continental antiga debaixo Mauricio”, escreveu o professor Ashwal no estudo publicado na revista Nature Communications.

“Maurício e outros fragmentos continentais de Mauritia estão predominantemente subjacente a crosta continental Arqueana e, que originalmente, faziam parte do antigo centro de Madagascar e da Índia.”

Especialistas alertam que o “continente submerso” teria sido um lugar extremamente perigoso no passado distante, coberto por vulcões e terremotos regulares .

“Mauritia agiu como uma zona de amortecimento entre o subcontinente indiano ocidental e de Madagascar oriental, e foi fragmentado por numerosos eventos tectônicos e vulcânicos ocorridos naquela região desde o início do período Cretáceo”, disseram os autores do estudo.


Em 2013 os cientistas já suspeitavam que havia um continente perdido abaixo das Ilhas Maurício. E em seguida, descobriram a presença de pequenos traços de antigos minerais  na areia das praias.

No entanto, desta vez foi diferente. Nesta ocasião eles têm detectaram os antigos minerais dentro das rochas, por isso que foram capazes de excluir que estes minerais poderiam ter chegado até lá através do vento.

Chegou-se a conclusão que há uma antiga crosta continental  abaixo de Maurício e que posteriormente foi coberta de lava durante o processo de formação do arquipélago das Ilhas Mascarenhas, incluindo Maurício.

Os cientistas indicam que essa massa era parte submersa do supercontinente de Gondwana. Pelo menos até cerca de 200 milhões de anos atrás, esta formação colossal começou a se separar em porções menores, como resultado de processos geológicos das placas tectônicas.

continente-perdido
Afinal, o supercontinente dividido agora dá forma aos continentes da África, América do Sul, Antártida, Índia e Austrália.

Os continentes se sobrepuseram sobre as placas que compunham o fundo do oceano, provocando o movimento dos continentes.

Curiosamente, Alan Collins, da Universidade de Adelaide (Austrália) explicou recentemente que estão descobrindo mais e mais restos de outros antigos continentes. Vários já foram encontradas na Austrália Ocidental e até mesmo sob a Islândia.

“Somente agora, quando explorarmos mais as profundezas dos oceanos é que iremos encontrar todas estas partes de antigos continentes no seu devido lugar.”

Fonte

 

Anúncios