Investigador de OVNIs encontrado morto

Postado em Atualizado em

Max Spiers investigador britânico de 39 anos é encontrado morto no sofá. O incidente ocorreu na Polônia em meados de Julho quando Max se preparava juntamente com outros investigadores para participar numa conferência.

max-spiers-morte-ufo

Max, terá antes da sua morte alertado a sua mãe.

“Se me acontecer alguma coisa investiguem”

Estas terão sido as suas últimas frases.
Max era conhecido por desvendar segredos sobre OVNIs onde ultimamente teria se introduzido nalgumas figuras públicas na política que estariam envolvidas no encobrimento do fenômeno.

Mãe de Max acredita que a morte terá sido despropositada pelo facto de ter descoberto algo de grandioso nas figuras públicas, políticas e artistas envolvidas no secretismo OVNI!
Na Polônia não deixaram a família ter acesso a qualquer informação da autópsia o que levantou mais suspeitas e revolta dos seus familiares e amigos provocando uma onda de indignação.
Os serviços daquele país indicavam ser morte natural.

Max Spiers se preparava para fazer uma revelação nessa conferência na Polônia, mas alguém resolveu certamente silenciar Max Spiers definitivamente.
O investigador vivia nos EUA onde terá viajado para aquele país na companhia da sua esposa.

Acredita-se também que a mãe de Max possa estar em perigo por manifestar a revolta que sente e por avançar que o seu filho já tinha recebido ameaças anteriormente.

Este não é um caso isolado no que se trata de investigadores com mortes suspeitas ou simplesmente absurdas.

Para ler um pouco mais sobre este assunto entre AQUI.

Fonte

Anúncios